Decidir Individualmente de forma Colectiva! Do Treino, para o Jogo!

Num futebol cada vez mais rápido e com menos espaço para a tomada de decisões, urge que nós enquanto Treinadores sejamos capazes de responder através do treino a esta evolução. Como tal, é imperativo que nós sejamos capazes de operacionalizar a nossa ideia de jogo, sem restringirmos ou castrarmos a decisão do jogador. Pois, na minha opinião, é a qualidade e criatividade individual, que vem enriquecer a nossa ideia colectiva.

Portanto, o nosso jogador tem que decidir individualmente, respeitando as coordenadas colectivas adequadas ao momento, para que a restante equipa seja capaz de agir em concordância com a decisão deste!

Surge assim, a necessidade de que os nossos exercícios de treino, levem-nos ao assimilar da nossa ideia, mas sem limitarmos a decisão individual e o acrescento da sua criatividade.

Comunicação em excesso, ou falta dela?

O presente artigo tem como objetivo a discussão da transmissão das mensagens verbais por parte dos lideres de uma equipa, fazendo considerações acerca da operacionalização de conceitos e o tipo de mensagem enquanto emissor e a sua interpretação pelo recetor, salientando a importância do líder no suporte e na influência de uma equipa de futebol. Saber ouvir é uma das coisas mais importantes que o ser humano adota. Como rampa de lançamento, uma das dicas passa pela escuta ativa. Para melhorar este tipo de competência, podemos parafrasear alguns exemplos: “o que me estás a dizer é…”; “deixa-me ver se compreendi…”; “eu compreendo, tu queres dizer…”.

Palavras-chave: comunicação; feedback; operacionalização; líder; mensagem

“Pouco feedback? Eu acho que ele percebeu o essencial”.

Manual do Médio-defensivo moderno

Análise cronológica da posição de médio-defensivo com principal foco nas suas funções, evolução e critérios de sucesso dentro de uma ideia de jogo de jogar em posse.

Tratado de Futebol

Os conteúdos desta apresentação são desenvolvidos a partir de quatro temas centrais, segundo a seguinte lógica:
1) Visão e Orientações: Entendimento e Sistematização; Modelação do Jogo e Treino; e Planeamento;
2) Dinâmica de Intervenção do Treinador e Equipa Técnica;
3) Plano Axiológico [Valores e Personalidade (Individual e Coletiva)];
4) Enquadramento de Formação Académica e Trajeto Profissional.

Controle de fadiga e desenvolvimento de força e potência no futebol: aplicações do Treinamento Baseado em Velocidade (VBT)

A fadiga excessiva durante o treinamento de força pode atenuar as adaptações neuromusculares e aumentar o risco de lesões. Nesse contexto, torna-se crucial que os treinadores adotem estratégias eficientes de controle de fadiga no treinamento de força. O treinamento baseado em velocidade (VBT) tem se mostrado uma abordagem promissora para o controle do volume excessivo de treinamento e potencialização dos ganhos de força e potência. Nesse artigo abordaremos as aplicações práticas do VBT na preparação física de futebolistas.

Abordagens Metodológicas do Ensino do Futebol

Este texto fala sobre duas diferentes abordagens metodológicas ao ensino do jogo de futebol. Remete para as vantagens e desvantagens de cada uma delas e explica o porquê de ser necessário haver uma complementaridade entre ambas.

SPORT SCIENCES SCHOOL OF RIO MAIOR

ESDRM is the largest sports school in Portugal’s Polytechnic Education. The five undergraduate courses, are orientated for sport professions, specialized for the sports area job market, namely in sports coaching, physical activity and healthy lifestyles, outdoor activities and sport tourism, sports management and physical condition and health.

The Coaches’ Voice Academy

The Coaches’ Voice Academy helps coaches at all levels of the football pyramid improve their game by connecting them with content from a growing community of elite coaches. New content, including coaching courses filmed using high-end drone technology and session plans designed for all age phases, is added weekly.